sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Na Sombra da Noite de J.R.Ward

Livros

Diversos

Caldwell, Nova Iorque.Por entre humanos que nada sabem sobre o assunto,os vampiros lutam contra um adversário que pretende a sua extinção.E a elite,os melhores de entre todos eles,formam a Irmandade da Adaga Negra.Poderosos,mas de alguma forma marcados pelo passado,eles são a melhor defesa do seu povo.E entre eles está Wrath,o último vampiro de puro-sangue e,por isso,considerado como um rei pelos seus.Mas o trono não lhe interessa.Apenas a destruição de um inimigo de longos séculos.E quando Darius, um dos Irmãos,lhe pede que conduza a sua filha através da Mudança,os planos do guerreiro terão necessariamente de mudar.
Simplesmente viciante,este é um livro onde,ainda que o romance e a sensualidade tenham necessariamente um papel a desempenhar,a história de Wrath e Beth não se sobrepõe a todos os outros elementos.O ambiente obscuro,transbordante de letalidade destes vampiros,não se limita à caracterização de Wrath,mas apresenta também,com bastante clareza e despertando já algumas simpatias,a forma de ser de guerreiros que terão o seu destaque noutros livros desta série.E é a interacção entre estes guerreiros e os protagonistas  que,mais até que os sentimentos que nascem e crescem entre os protagonistas,dá a toda a história uma intensa força emotiva.
Wrath é um protagonista fascinante.Marcado pelo passado,com uma certa aversão aos humanos e uma inevitável propensão para esconder na fúria aquilo que o fere,é extremamente interessante acompanhar a mudança que Beth irá operar na sua forma de vida.E é também esta forma de ser,forjado para a luta e,por isso,rei relutante,que permite que a autora explore tão detalhadamente os elementos desta sociedade, para lá do romance, inserindo presenças como a da Virgem Escrivã e explorando cuidadosamente,mas com um sentido de humor muito agradável,as características particulares destes vampiros.
Uma última referência para os vilões,também eles marcados por uma forma de existência interessante,com características e hábitos peculiares.Ao dar também algum destaque à forma de ser e de agir dos caçadores, a autora acaba por despertar também uma certa curiosidade para o seu ponto de vista das coisas,deixando a sensação de que muito haverá ainda para contar sobre estes inimigos.

Sem comentários:

Enviar um comentário